Concursos - Desistência total ou parcial CI/RR-Professores bibliotecários 2ª fase-Dispensas do Período Probatório no ano letivo 2018/2019-Modalidade de horário em meia jornada – Nota Informativa-Organizações sindicais de professores não compreendem a indisponibilidade do Senhor Presidente da República para a audiência solicitada há meses-Manifestação de Preferências - Mobilidade Interna-Abonos por Cessação de Contrato - Nota Informativa do IGeFE-Mobilidade por Doença - Resultados e 1ª Fase de Indicação de Componente Letiva-REUNIÃO DE NATUREZA TÉCNICA SOBRE A CARREIRA DOS PROFESSORES-Manifestação de preferências para Contratação Inicial e Reserva de Recrutamento

Processamento do Subsídio de Natal 2017

Processamento do Subsídio de Natal 2017

NOTA INFORMATIVA Nº 12/ IGeFE / DGRH / 2017

ASSUNTO: Aditamento à Nota Informativa nº 1/IGeFE/DGRH/2017 – Processamento de remunerações 2017 – Subsídio de Natal

No sentido de esclarecer as dúvidas que têm vindo a ser colocadas pelos agrupamentos de escolas/escolas não agrupadas sobre o processamento e pagamento do subsídio de natal, informase o seguinte:

1. Os valores do subsídio de Natal correspondentes aos pagamentos referidos nas alíneas a) e b) do nº 3 da Nota Informativa nº 1/IGeFE/DGRH/2017 de 9 de janeiro são apurados em cada um dos meses de 2017 com base na remuneração relevante para o efeito, tendo por referência a remuneração auferida no mês de pagamento daqueles valores, nos termos legais. Assim, a remuneração que serve de base ao cálculo do duodécimo devido no mês é, efetivamente, a remuneração (base) auferida nesse mês. Igualmente, os 50% a pagar no mês de novembro devem ser calculados tendo por referência a remuneração (base) auferida no mês de novembro.

2. Será sempre necessário verificar se os docentes que mudaram de Escola/Agrupamento foram abonados dos valores referentes aos 50% do subsídio de Natal (máximo de 8/12) nas escolas onde exerceram funções no ano letivo 2016/2017.