Publicado o Decreto-Lei do roubo no tempo de serviço-Presidente da República promulgou contagem de tempo dos professores-Consulta aos Educadores e Professores de 11 a 20 de março - Questionário Online-Concurso Externo/Contratação Inicial e Reserva de Recrutamento-Aviso de Abertura do Concurso 2019/2020-Organizações sindicais de professores entregam Petição com mais de 60 000 assinaturas e reúnem com os grupos parlamentares para entregarem proposta que governo recusou discutir e analisar-Vagas para Progressão ao 5º e 7º Escalões da Carreira Docente-Ministério da Educação convoca reunião para 4 de março; Organizações sindicais pedem esclarecimento sobre agenda concreta-Governo ergue muro de intransigência, mente sobre posições sindicais e bloqueia negociação-Concursos de Pessoal Docente na Região Autónoma dos Açores

2 Anos 9 Meses e 18 Dias é a Proposta do Governo

2 Anos 9 Meses e 18 Dias é a Proposta do Governo

O Governo enviou ao SIPPEB a proposta sobre a recuperação do tempo de serviço, apresentada na reunião negocial do dia 12 de março,  que apenas descongela 2 anos 9 meses e 18 dias de todo o tempo de serviço congelado até 31/12/2017, apagando 2 389 dias da vida profissional dos docentes.

 

Esta proposta viola claramente o acordado com as organizações sindicais, a declaração de compromisso, a Resolução aprovada no Parlamento, sem votos contra, e o Artigo 19º, da  Lei do Orçamento do Estado.

Proposta do Governo